PÊSAMES

26/05/2021 – O SINTSEF-BA informa com pesar o falecimento de mais um valoroso companheiro de lutas em decorrência de complicações da COVID-19: Luiz Carlos de Alencar Macedo, membro da Direção Colegiada do SINTSEF/CE, como Coordenador Geral, e também dirigente da CONDSEF, atuando na Secretária de Relações do Trabalho, Parlamentares e de Classe. Era Farmacêutico-Bioquímico da FUNASA e também professor (lecionou durante 30 anos na Rede Estadual de Ensino), aposentando-se em 2010. Desde 1985 militava no movimento sindical, onde, já em 1987, liderou a primeira greve dos trabalhadores da ex-SUCAM no estado.

Sua morte é mais uma das milhares (ultrapassou o número de 450 mil, em contagem mais recente) de perdas irreparáveis ocorridas no Brasil por conta da pandemia, nos últimos 15 meses. Mortes que poderiam ser evitadas, não fosse a ineficiência e o descaso do governo Bolsonaro no enfrentamento à doença. Um governo, não custa lembrar, que ostenta suas intenções genocidas impunemente, como a recusa de compra de vacinas, a divulgação de informações falsas e o estimulo a remédios sem eficácia comprovada, entre tantas outras práticas nefastas, como provocar aglomerações, pregar contra o uso de máscaras etc.

Luiz Carlos lutou contra este governo e pela vida. Não apenas a sua, mas a de muitos brasileiros e brasileiras que dependem de um serviço público, gratuito, universal e de qualidade. Para tanto, defendeu até o fim por aquilo que acreditava: os interesses históricos e imediatos dos trabalhadores, organizados e conscientes do seu papel na sociedade.

Em nome dessa luta, saudamos sua memória e celebramos o seu exemplo. Aos familiares e amigos, estendemos nossa solidariedade e esperança de dias melhores. Luiz Carlos, presente!
(com informações do SINTSEF-CE)

Marcações: